O Colégio

Nossa História

Uma vida de bons serviços prestados à educação dos jovens. Para realizar um sonho, é preciso construir uma ponte, um elo de ligação entre o imaginário e o real; é preciso construir, sob pilares sólidos, todo o alicerce que irá aconchegar a edificação deste sonho. 
Do entusiasmo e da dedicação, nasce o primeiro passo... mas, é da perseverança e do verdadeiro amor que surge umamagnífica construção. 
Nós, Irmãs Teresinhas, sonhamos em construir um mundo mais humano e harmonioso, onde a educação passa a ser o melhor caminho para tornar os jovens mais conscientes, seguros, criativos, e, revestidos de valores éticos-morais e religiosos, também preparados para investir na realização dos seus próprios ideais. Assim, dotados de uma enorme capacidade de amar a Deus e ao próximo, tornar o mundo melhor. 
O sucesso dos nossos alunos é, portanto, o nosso objetivo maior e para alcançá-lo firmamos o nosso ideal sob quatro pilares: conhecimento - disciplina - compromisso e eficiência. 
E o resultado desta dedicação não poderia ser outro. Hoje, o Instituto Dom Fernando Gomes oferece um ensino de qualidade para mais de 2000 alunos distribuídos nos curso da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. É um sonho que se transformou em realidade...

Projeto para construção da Paróquia de Nossa Senhora de Lourdes - 1956 
Em 1963, o mons. João Moreira Lima, vigário da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, do Bairro Siqueira Campos, doou à congregação Santa Teresinha um prédio construído vizinho à Igreja, destinado a ação pastoral da paróquia e a educação da comunidade. Inicialmente, o andar superior funcionou como noviciado da Congregação e residência das Irmãs Teresinhas. 
Antiga fachada

Em 12 de março de 1964, a Escola Paroquial “Instituto Dom Fernando Gomes” inicia suas atividades escolares com 4 salas de aulas e, aproximadamente, 150 alunos distribuídos entre o Ensino Infantil, Pré-escolar e as quatro séries primárias, funcionando nos dois turnos: matutino e vespertino. O nome da Escola é uma homenagem ao 20 Bispo da Diocese de Aracaju. 
No dia 16 de março, Dom José Vicente Távora, bispo da época, benzeu a casa após uma solene celebração eucarística. Naquele momento, foi entregue à superiora geral da congregação, Irmã Valdelícia Martins da Silva, o termo de doação do prédio, em uso fruto perpétuo, pelo vigário da Paróquia Mons. João Moreira Lima, de saudosa memória. Foi um dia de louvor e de agradecimento a Deus por tantas maravilhas. 
Madre Valdelícia

A primeira diretora foi a Madre Valdelícia Martins da Silva que por 4 anos definiu os rumos desta instituição. Em setembro de 1967, com a transferência do noviciado para a colina de Santo Antônio, houve a ocupação de duas salas de aula no andar superior. Neste período, o ensino infantil recebe a denominação de “TOPO GÍGIO”. 
Durante o ano de 1969, a escola foi dirigida pela Irmã Julieta de Araújo que procurou manter o padrão de qualidade de ensino da instituição. 
De 1970 à 1971 assume a direção a irmã Davina de Almeida Reis que consolida o processo de ensino e proporciona o aumento progressivo do número de alunos desta escola. 
No período de 1972 à 1975, a Irmã Maria Eleonora de Jesus Moraes dirigiu o Instituto Dom Fernando Gomes dando novo impulso à pré-escola e conquistando junto à comunidade do Siqueira Campos maior credibilidade como a melhor escola do bairro. 
No ano de 1976, passa a dirigir esta instituição a Irmã Francisca Nenzinha de Paes Barreto que promove a implantação do curso ginasial, tendo iniciado a primeira turma no ano seguinte, com 25 alunos. 
Em 1977, assume a direção a Irmã Eleonora Oliveira, onde permanece por 6 anos, contribuindo consideravelmente para um aumento do número de alunos matriculados. Em 1982 construiu duas salas de aula e no andar superior, uma casa destinada a residência das irmãs. 
Em 1983, retornou à direção da escola, Irmã Davina de Almeida Reis que permaneceu até 1988. Em sua gestão, foram construídas duas salas de aula e a primeira quadra de esporte do colégio, que serviu de incentivo para prática desportiva. 
A partir de 1988, a Irmã Edite da Costa assume a direção da escola e passa a imprimir grande crescimento na estrutura física e administrativa. 
Em 1989, foram construídas duas salas de aula com andar superior destinado à sala de convenções, composta de uma biblioteca, um auditório e um laboratório de ciências físicas e biológicas. 
Em 1991 foi construído o andar superior do anexo 1, com 2 novas salas de aula e uma sala de artes. 
No ano de 1993, foi construída, anexo à Igreja Nossa Senhora de Lourdes uma quadra recreativa para os alunos da pré - escola à quarta série do primeiro grau, também utilizada pelos movimentos pastorais da paróquia. 
Em 1994, foi implantado o segundo grau que impulsionou a atuação educacional da instituição, elevando significativamente o número de alunos, fato este que resultou na construção do anexo 2, inaugurado em março 1995 composto por 08 salas de aula, um laboratório de informática, parque infantil, um novo auditório e duas piscinas para as práticas desportivas. 
Em julho de 1998, a estrutura física do antigo prédio foi reformada dando um novo perfil à organização administrativa e pedagógica que passa a funcionar em salas específicas: centro de processamento de dados, tesouraria, direção, serviço de orientação educacional, departamento jurídico, coordenação disciplinar, secretaria e uma ampla sala de professores. 
Em dezembro de 1998 o auditório do anexo 2 foi transformado em três salas de aula e uma ampla biblioteca e o laboratório de informática foi transferido para o anexo 1, sendo transformado num laboratório moderno e mais equipado. 
Em 15 de maio de 1999 é inaugurado o Complexo Polidesportivo e Cultural Pe. José Gumercindo Santos, Anexo 3, composto de um amplo Ginásio de Esportes, do espaço cultural Mons. Moreira Lima, do Cine-Teatro Madre Valdelícia Martins da Silva e da nova residência das Irmãs Teresinha. 
No segundo semestre deste mesmo ano, com a transferência da residência das Irmãs, ocorre no andar superior do antigo prédio a construção de 02 salas de aula e a ampliação de mais duas, bem como a construção de um novo e moderno laboratório de Ciências Físicas e Biológicas. 
Em janeiro de 2000 é reformada a fachada do antigo prédio dando ao Instituto Dom Fernando Gomes novo aspecto exterior de maior modernidade, projetando-o como uma das melhores escolas do Estado. Hoje possui mais de 2000 alunos, distribuídos em 33 salas de aula, com circuito interno de TV e condicionador de ar.

Copyright © 2017 - IDFG - Todos os Direitos Reservados.

Boletim Online